quinta-feira, 22 de janeiro de 2009

7/7 - 24/24


Desde muito pequenina que a Mathilde é fascinada pelos orientais.
Sempre que vê um ser humano de olhos em bico exclama alto e bom som: "Maman, papa! Regardez! Des chinois!"

Um domingo, teria ela 2 anos mais coisa menos coisa, comentava no carro que estava tudo fechado quando passámos por uma loja chinesa.
O papá, em tom sarcástico, concluiu: "Sauf le chinois. Le chinois est toujours ouvert."

A partir de então esta última frase passou a fazer parte do repertório de Miss Mathilde.
"Le chinois est toujours ouvert." e que bom que assim é uma vez que há alegrias inusitadas nestas lojinhas "de conveniência".

2 comentários:

Sofia,Pedro e Joana disse...

Que giro!
Por acaso também nutro um interesse especial pela civilização asiática, sobretudo pela sua cultura e costumes.
Beijinhos,Sofia,Pedro e Joana

beedrill disse...

ola...a verdade é que é comum o oriente nos despertar interesse, as lojas dao por cá a ajuda de se encontrar coisas que só eles inventam...elas estao giras nas fotos...beijinhos paras as M´s